Só é vencido quem desiste de lutar

31
Dez 13

Paz e Saúde estão sempre presentes nos votos que todos formulam para o Ano Novo que se aproxima.

Reiterando estes desejos como principal prioridade, sinto-me impelido a manifestar um conjunto de outras aspirações que gostaria de ver concretizadas em 2014 e que considero relevantes para o bem-estar colectivo:

Que a Europa recupere os valores e princípios fundadores de Jean Monet e Robert Schuman, alicerçados na cooperação e solidariedade entre os povos, recolocando-os como principal guião dos caminhos a trilhar na construção de uma Sociedade mais justa e igualitária, expurgada de dominadores e dominados;  

Que a situação económica e financeira do País beneficie das melhorias que nos são prometidas, possibilitando que sejam aliviados os enormes sacrifícios exercidos sobre os portugueses, sobretudo sobre os mais vulneráveis;

Que sejam implementadas medidas de estímulo à economia, geradoras de emprego e de riqueza, dando a oportunidade aos jovens de colocarem as suas competências ao serviço do seu País;

Que a verdadeira entreajuda entre os mais fortes e os mais fracos seja concretizada através de medidas equilibradas que promovam e reforcem a coesão social entre os cidadãos;

Que a promoção da inclusão seja uma prioridade de quem tem responsabilidades de definir estratégias colectivas de desenvolvimento, onde os cidadãos e os seus problemas estejam efectivamente no topo das suas preocupações, através de actos concretos e não apenas de palavras;

Que a volúpia de litoralização do País que caracteriza o actual Governo, seja substituída pela adopção de politicas publicas efectivas que discriminem positivamente os territórios do Interior e façam acreditar a quem aí vive que o futuro existe e poderá ser risonho;

Que a Beira Serra se apresente como o espaço de inovação e competitividade, a que tem direito no contexto regional e nacional e veja serem concretizados os investimentos essenciais ao seu desenvolvimento;

Que todos os cidadãos e famílias deste País, alcancem em 2014 os objectivos pessoais a que se propõem, com a esperança e confiança de que os tempos vindouros trarão mais igualdade e justiça social.

Que no final de 2014, o optimismo sobre o futuro colectivo do País se tenha sobreposto à descrença e desconfiança que reinam na actualidade.

Um Bom Ano para todos os leitores do Diário de Coimbra.

 

Publicado no Diário de Coimbra de 31.12.2013

 

publicado por miguelventura às 20:00
 O que é? |  O que é? | favorito

Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Acessos

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO